Marcos BuckeridgeDiretor

Prof. Dr. Marcos Buckeridge

Marcos Buckeridge é Professor Titular de Fisiologia Vegetal do Departamento de Botânica, Instituto de Biociências da Universidade de São Paulo. É membro fundador do Centro de Biologia de Sistemas e Biologia Sintética (S2B) do INOVA-USP. É membro do Instituto de Estudos Avançados da USP, onde criou e coordena o programa USP-Cidades Globais. O trabalho de Buckeridge já gerou 4 livros, 8 patentes, mais de 50 teses de mestrado e doutorado e mais de 160 publicações científicas em fisiologia, bioquímica e biologia molecular de plantas. Foi membro fundador do Programa BIOEN-FAPESP e de 2009 à 2012 foi diretor Científico do Laboratório Nacional de Ciência e Tecnologia do Bioetanol (CTBE) em Campinas. Desde 2008 Buckeridge é diretor do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia do Bioetanol (INCT do Bioetanol). Seu grupo desvendou a estrutura química da parede celular da cana de açúcar e do miscanthus, duas das mais importantes gramíneas usadas para bioenergia. Seu trabalho sobre a parede celular vegetal o levou a propor a Teoria do Código Glicômico. Seus estudos sempre tiveram ênfase em estudos de plantas nativas de vários biomas brasileiros (Amazônia, Mata Atlântica, Cerrado, Caatinga), de plantas cultivadas (cana, milho, soja, feijão, laranja e outras) e em ambiente urbano. Desvendou mecanismos fisiológicos e vias metabólicas relacioandas à sinalização dos carboidratos para o desenvolvimento vegetal. Seu trabalho se tornou cada vez mais sistêmico e hoje o enfoque principal é a biologia integrativa, principalmente com a aplicação da teoria de redes para comprender o funcionamento da planta como um todo. Realizou estudos pioneiros sobre como as plantas brasileiras respondem ao aumento de CO2 atmosférico e mais recentemente a combinações entre CO2, estresse hídrico e temperatura, elucidando mecanismos fundamentais das respostas de plantas às mudanças climáticas. Em 2010, Buckeridge foi selecionado como um dos autores líderes do Fifth Assessment Report (AR5), publicado em 2014 pelo Painel Intergovernamental de Mudanças Climáticas (IPCC). Em 2017, se tornou o único cientista radicado no Brasil a participar como autor do Relatório Especial 1,5C Warming Word do IPCC, que será publicado em 2018. Atualmente, Buckeridge é o presidente da Academia de Ciências do Estado de São Paulo. Em outubro de 2018 foi eleito Diretor do Instituto de Biociências da Universidade de São Paulo.
Contato:  msbuck@usp.br

 


 

 

OswaldoOKeithVice-Diretor

Prof. Dr. Oswaldo Keith Okamoto

Oswaldo Keith Okamoto é Professor Associado do Departamento de Genética e Biologia Evolutiva do Instituto de Biociências da USP. É pesquisador integrante do núcleo gestor do Centro de Pesquisa sobre o Genoma Humano e Células-tronco da USP, e pesquisador e membro do Conselho Executivo do IRIS, iniciativa ligada ao inova.USP (Centro de Inovação da USP). Possui Bacharelado em Ciências Biológicas pela UNESP, Doutorado em Bioquímica e Biologia Molecular pela USP, Pós-doutorado na área de Genômica pela Harvard University, treinamento em terapia celular pela University of Texas MD Anderson Cancer Center e Livre-docência em Biologia Celular pela USP. Foi Coordenador do Centro de Pesquisa Experimental do Instituto de Ensino e Pesquisa do Hospital Israelita Albert Einstein (2003-2006), Professor Adjunto do Departamento de Neurologia e Neurocirurgia da Escola Paulista de Medicina / UNIFESP (2007-2010) e Visiting professor na University of Southampton (2017). Atua em pesquisa, desenvolvimento e inovação, com enfoque na biologia de células-tronco e câncer. Na USP, dirige o Laboratório de Genômica Translacional (LGT) que utiliza abordagens interdisciplinares com o propósito de aprofundar o conhecimento sobre a fisiopatologia de doenças humanas e investigar novas estratégias terapêuticas. O LGT colabora com diversas Instituições e participa da Rede Nacional de Terapia Celular (RNTC), criada pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e pelo Departamento de Ciência e Tecnologia (DECIT) do Ministério da Saúde, objetivando beneficiar a sociedade por meio da ampliação de competência nas áreas de biotecnologia e medicina regenerativa. Em Outubro de 2018, foi eleito Vice-Diretor do Instituto de Biociências da USP.
Contato:  keith.okamoto@usp.br
 

 

 

 

Secretárias

 

Natália Aika Horie

Contato: (0xx11)3091-7515

Denise Polli

Contato: (0xx11) 3091-9955

 

Email: ib@usp.br