ESTRUTURA

O Instituto de Biociências é a unidade responsável pelo Curso de Ciências Biológicas e desenvolve atividades de ensino, pesquisa e extensão à comunidade, sendo constituído por cinco departamentos. Conta ainda com Biblioteca, Centro de Estudos do Genoma Humano, Laboratório de Microscopia Eletrônica, Laboratório de Abelhas, Herbário, Fitotério e uma Reserva Florestal.


O DEPARTAMETO DE GENÉTICA E BIOLOGIA EVOLUTIVA constitui um tradicional centro de ensino e pesquisa nas áreas de Biologia Celular, Genética e Biologia Evolutiva, enfocando tanto aspectos clássicos quanto os mais modernos da Biologia Molecular.
No DEPARTAMENTO DE BOTÂNICA o ensino e a pesquisa concentram-se no estudo da diversidade, fisiologia, e aproveitamento econômico das plantas dos ecossistemas brasileiros.
No DEPARTAMENTO DE ECOLOGIA são estudados os ecossistemas terrestres e aquáticos em diferentes níveis de abordagem, desde sensoriamento remoto até auto-ecologia.
O DEPARTAMENTO DE FISIOLOGIA é responsável pelos estudos relacionados a diferentes aspectos da Fisiologia Animal Comparativa, especialmente os vários mecanismos de adaptação às variações ambientais.
O DEPARTAMENTO DE ZOOLOGIA está voltado ao estudo da biologia, morfologia, comportamento, sistemática e evolução de vertebrados e invertebrados de água doce, marinhos e terrestres, especialmente aqueles da América do Sul.


A BIBLIOTECA do IB tem um acervo constituído de aproximadamente 22.800 Livros, 2.046 Títulos de Periódicos, 3.035 Multimeios, 2.030 Obras Raras e Especiais e uma área efetivamente ocupada de 129.492,07 m2, sendo 102.110 m2 de reserva ecológica e jardins + 27.392,07 m2 de área total construída.


O LABORATÓRIO DE MICROSCOPIA ELETRÔNICA conta com um microscópio de transmissão e um de varredura, servindo não só o IB como a várias unidades da USP e outras instituições.


O LABORATÓRIO DE ABELHAS do Departamento de Ecologia mantém ninhos de diversas espécies de abelhas nativas. Nele são realizadas pesquisas sobre os produtos das abelhas sociais, tais como mel e própolis.

No Departamento de Botânica encontra-se o HERBÁRIO da Universidade São Paulo (SPF), com um acervo de mais de 154.000 espécimes principalmente da flora brasileira, incluindo coleções de algas marinhas. Associada ao Herbário está a Xiloteca (USPw), com diversas amostras de madeiras brasileiras.


O FITOTÉRIO do Departamento de Botânica mantém locais que procuram simular alguns ecossistemas naturais, um orquidário, uma coleção de plantas carnívoras e o Jardim Japonês, inaugurado no fim dos nos 60 pelo então Príncipe Akiito, além de 4 casas de vegetação e 1 estufa.


A única RESERVA FLORESTAL, de preservação permanente, da Cidade Universitária “Armando de Salles Oliveira” pertence ao IB e dá nome ao local, ou seja, rua do Matão. Embora tenha sofrido intensa interferência humana, pois pertencia à antiga fazenda Butantan, representa parte da antiga cobertura florestal da cidade de São Paulo.