Histórico do Departamento de Fisiologia do IB-USP

O Departamento de Fisiologia Geral do Instituto de Biociências é um dos poucos, se não o único no Brasil, que apresenta em seu desempenho um caráter de fisiologia comparativa. A importância dessa atuação fica clara quando se leva em consideração que os estudos comparativos conduzem a um entendimento global dos fenômenos biológicos e permitem uma visão mais fiel dos modelos estudados, inclusive o homem.
O Departamento foi estabelecido a partir da iniciativa de pesquisadores ligados ao grupo de Fisiologia Geral e Animal do Departamento de Zoologia, ainda na antiga Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras. Este grupo inicial incluía alguns nomes tais como os Profs. Paulo Sawaya e Erasmo Garcia Mendes, que são hoje referências na história da Fisiologia no país. Veio a ocupar o seu local atual no Edifício Ernst Marcus a partir de 1955, ainda no âmbito da Faculdade de Filosofia. Em 1970, com a reforma universitária, passou a integrar o Instituto de Biociências.
Atualmente, o Departamento conta com 19 docentes e mais de 100 alunos de pós-graduação e graduação, desenvolvendo pesquisas nas mais diversas áreas. Em suas instalações são investigados aspectos da respiração e metabolismo, osmorregulação, fisiologia celular, regulação hormonal, cronofisiogia, comunicação química e processos de aprendizagem, entre outros. São estudados diferentes modelos invertebrados e vertebrados. provenientes de vários biomas brasileiros, desde o cerrado ao ambiente marinho. Tem um caráter essencialmente multidisciplinar, empregando uma ampla gama de abordagens experimentais e servindo como interface fundamental entre as demais especialidades da biologia.