RSS

Paranthropus boisei

Viveu entre 2.3 e 1.2 milhões de anos no leste africano (Etiópia, Quênia, Tanzânia e Malawi). Possuí morfologia craniana adaptada para a mastigação de alimentos mais fibrosos, com molares grandes, cerca de quatro vezes o tamanho do molar de um humano moderno e a inserção de grandes musculos na face conferindo uma aparência hiper-robusta à espécie.

Paranthropus boisei (KNM-ER 729)

Fóssil de aproximadamente 1.5 milhões de anos encontrado por Paul Abell em Ileret, próximo ao Lago Turkana, Kenya. A mandíbula, pertencente à um indivíduo do sexo masculino, apresenta elevada robustez e dentes grandes, capazes de triturar alimentos mais duros.

Paranthropus boisei (KNM-ER 729)
Paranthropus boisei ...
Detail Download
Paranthropus boisei (KNM-ER 729)
Paranthropus boisei ...
Detail Download
 
 
Powered by Phoca Gallery